quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012


"O importante, o irreversível, o definitivo, o claro nessa história toda é que eu gosto muito de ti. Muito mesmo. Não adoro nem venero, mas gosto na medida sadia e humana em que uma pessoa pode gostar de outra, O resto é detalhe."

Nenhum comentário:

Postar um comentário